UTI’s

Figurando como unidade hospitalar estratégica para todo o estado, a maior maternidade do interior de Goiás e referência para Gestação de Alto Risco para um quarto do estado, precisamos de estruturas sólidas para socorrer pacientes com tamanha complexidade.

Para os casos mais graves, a Santa Casa de Anápolis conta com um complexo de Unidades de Terapia Intensiva/UTIs, com quase 50 leitos. São 20 leitos de UTI Adulto, com leitos exclusivos para as gestantes ou puérperas, 13 leitos de UTI Neonatal e 13 leitos de UTI Pediátrica (as únicas do hemisfério norte de Goiás), tudo isso ofertado ao paciente SUS. Em 2020, a UTI neonatal acolheu 359 bebês provenientes do centro obstétrico da Santa Casa (73%) e de todos os hospitais do centro-norte do estado (27%), os quais, sem esse suporte, em sua maioria, não sobreveviram.

Com relação a essas crianças admitidas, verifica-se que, sobretudo as prematuras extremas com baixo peso (a partir de 500 gramas) que permanecem por meses em internação, exigem o máximo grau de complexidade de assistência, com equipe altamente especializada, incubadoras com umidificação, ventilação mecânica contínua por dias a semanas, monitorização multiparâmetros, uso de nutrição parenteral, de catéteres periféricos e centrais, fototerapia, entre outros. Todos os serviços com altíssimo custo de manutenção.

Um ponto forte e diferencial da Instituição é o Banco de Leite Humano próprio, com unidade de coleta interna, serviço de coleta domiciliar em parceria com o Corpo de Bombeiros, a pasteurização e a dispensação de LHB (Leite Humano Basiline). Os mais de mil litros processados por ano atendem 100% dos bebês internos (a média nacional é de 60% de cobertura), além de acolher as mães com dificuldade na amamentação.

Com ele, garantimos a oferta deste que é o principal alimento para o recém-nascido, dando-lhe saúde, rápido ganho de peso, diminuição substancial no uso de antibióticos e reduzindo assim o tempo de internação. A Santa Casa conta ainda com um serviço próprio de cirurgia neo-pediátrica 24h, cardiopediatria, neuropediatria e neurocirurgia, oftalmopediatria, ortopedia, hematologia, infectologia, endocrinologia, gastroenterologia, otorrinolaringologia, fonoaudiologia, fisioterapia, além de todos os exames de laboratório e imagem, como ultrassom, ecocardiografia e raios-X no leito, ressonância magnética e tomografia computadorizada.

Doe

Atenção!

Até 30 de dezembro de 2022, você pode destinar 6% do IR devido para os projetos da Santa Casa de Anápolis.

A oportunidade existe tanto para os casos de IR a pagar como IR a restituir, e você declarará a sua doações apenas em 2023.

Para mais informações, entre em contato com a nossa equipe por meio do formulário abaixo:

Contamos com seu apoio!

Utilizamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site, ao continuar navegando, você concorda com nosso uso de cookies. Saiba Mais.