Feliz 2019!!
Atendimento: Seg-Sex 08:00 às 18:00hs - Fone: (62) 3311-9900

Ex-jogador do Manchester United, hoje é frade com voto de pobreza

Não faz muito tempo, a vida de Philip Mulryne era completamente diferente.

Em vez da batina, seu uniforme de trabalho era composto de short, camisa, meião e chuteiras.

Seu templo, o estádio de Old Trafford, pertencente ao poderoso Manchester United, um dos clubes de futebol mais ricos do mundo.

Em vez de colegas praticamente anônimos, o norte-irlandês esbarrava nos corredores em David Beckham.

O ex-jogador de futebol, porém, hoje não poderia estar em um mundo mais diferente que o dos tempos em que chegou a ter um salário anual de cerca de US$ 700 mil (o equivalente a quase R$ 2,3 milhões) e namorou a modelo inglesa Nicola Chapman.

Desde o último sábado, ele é conhecido como frei Mulryne, depois de ter sido ordenado como mais novo representante dos Dominicanos, uma ordem católica cujos principais compromissos são o voto de pobreza e castidade.

Nascido em Belfast, Mulryne jogou 27 vezes pela seleção da Irlanda do Norte. Apesar do início promissor em Manchester, ele passou a maior parte de sua carreira no Norwich City, um clube oscilando entre a primeira e segunda divisões.

Mulryne se aposentou em 2009 e quase imediatamente começou sua carreira religiosa, ao entrar para um seminário da capital norte-irlandesa. Ele também cursou filosofia na Queens University antes de, em 2012, juntar-se aos dominicanos.

Fonte: Aleteia